Blog

Primeiro Centro Especializado de Atendimento Covid-19 é inaugurado em Parauapebas


Pacientes dos hospitais regionais e do município serão transferidos para o Centro, que tem a capacidade de atender 58 pessoas.

A pandemia ainda não acabou, e na semana em que se confirmou o primeiro caso da variante Delta no Estado, foi inaugurado o Centro Especializado de Atendimento de Covid-19 em Parauapebas. A solenidade foi realizada, na tarde dessa sexta-feira, 6. A estrutura foi implantada em uma área cedida pela prefeitura, anexo ao Hospital Geral de Parauapebas, fruto da parceria entre prefeitura, Governo do Estado do Pará e Vale.

“É um passo muito importante que damos no enfrentamento à pandemia. O Centro nos permitirá ter um local específico para tratar os pacientes com mais comodidade, conforto e atendimento de excelência”, destacou o prefeito Darci Lermen.

Com a campanha de vacinação em andamento e registrando a diminuição no número de casos da covid-19, o município de Parauapebas segue firme e se destaca com iniciativas assertivas e pioneiras.

“Este é o primeiro Centro, não só do Estado, mas do Brasil. É uma nova estratégia que estamos adotando de criar unidades de referência de atendimento Covid para que a gente possa desafogar a rede tanto aqui do hospital como da rede estadual”, afirmou Romulo Rodovalho Gomes, secretário de Estado de Saúde.

A estrutura conta com 28 leitos de UTI e 30 leitos clínicos. “Passaremos a deslocar os pacientes que neste momento estão ocupando os hospitais regionais de Marabá, Redenção, Conceição do Araguaia, de Tucuruí, e também do Hospital Geral de Parauapebas. Nós vamos centralizar o atendimento nesta estrutura permitindo que os hospitais regionais e locais possam retomar a normalidade das demais enfermidades”, explicou o governador Helder Barbalho.

“Os nossos indicadores já estão mais baixos para a Covid, a procura pelo tratamento diminuiu, e também é o resultado de um atendimento humanizado dos profissionais que atuam no Sistema Único de Saúde (SUS). Sem dúvida, todos unidos por uma causa que é o salvamento de vidas”, destacou Gilberto Laranjeiras, secretário de Saúde de Parauapebas.

A previsão é que a partir da semana que vem o Centro já comece a receber os primeiros pacientes transferidos do Hospital Municipal de Parauapebas e dos hospitais regionais.

Texto: Anne Costa

Fotos: Elienai Araújo

Assessoria de Comunicação/PMP

Deixe um comentário

Trabalhador de saúde, indígenas e quilombolas 17 de janeiro
Acima de 90 anos 08 de fevereiro
Entre 85 e 89 anos
Entre 80 e 84 anos
Entre 77 e 79 anos
Entre 75 e 76 anos
Entre 72 a 74 anos
Entre 69 a 71 anos